Teatro Castro Alves - TCA

 

Um belo exemplo de arquitetura moderna na primeira capital do Brasil. Sua construção foi iniciada em 1958 e concluída em 1967, com projeto do arquiteto baiano José Bina Fonyat Filho (1918-1977) e com a colaboração do engenheiro baiano Humberto Lemos Lopes (1921-2008).

O complexo do TCA, administrado pela Fundação Cultural da Bahia, abriga o Balé Teatro Castro Alves, criado em 1981, e a Orquestra Sinfônica da Bahia, criada em 1982. As instalações incluem a Sala Principal, com capacidade para 1560 lugares,  a Concha Acústica (5.600 lugares), a Sala do Coro (197 lugares), o Foyer, um centro técnico, um jardim suspenso e o Café Teatro, além das salas administrativas e salas de ensaio.

Em 2014, o Teatro Castro Alves foi tombado pelo Iphan como patrimônio nacional.

Fica no Campo Grande. Visite o site oficial do TCA

 

Acima, a frente do TCA voltada para o Campo Grande. Embaixo, o auditório principal com capacidade para 1560 espectadores e famoso pela sua perfeita acústica. Inclui um fosso para orquestra com capacidade para 80 músicos.

 

Teatro Castro Alves

 

Salvador

 

Teatro Sao Joao

 

Bahia Turismo

 

Praça Castro Alves

 

Acima, parte do Foyer.

Embaixo, parte da arquitetura externa do Teatro.

 

Arquitetura do Teatro

 

Vista geral do TCA nos anos '60 (acervo Odebrecht). Mais: Teatros de Salvador

 

Foyer TCA

 

TCA

 

Auditorio TCA

 

Copyright © Guia Geográfico - Patrimônios Históricos da Bahia, Teatro TCA

 

Salvador Turismo

 

Divulgação

 

A. Gondim

 

 

Teatro Castro Alves - TCA

 

 

A. Gondim